Constituição garante katak Deputado sira continua hetan salário



Deputado na’in 36 ne’ebé la tama iha Comissão Permanente continua iha direito ba salário hanessan Deputado sira seluk tuir Constituição República Democrática Timor-Leste, artigo 100º, número 2, ne’ebé hatete “Dissolução Parlamento Nacional nian la hamate mandato Deputado sira-nian” ne’ebé mantém too Parlamento ka Legislatura foun nian hala’o reunião dahuluk.
Presidente Parlamento Nacional, Aniceto Longuinhos Guterres, informa liu hussi comunicado imprensa hatete, masque Deputado na’in 36 la tama iha Comissão Permanente maibé iha direito hanessan ho Deputado sira membro Comissão Permanente tanba Constituição rassik garante.
Comunicado ne’e fó sai relaciona ho publicação Jornal INDEPENDENTE iha loron 20 fulan fevereiro tinan 2018, ho título «Sosiedade Sivil Husu Kansela Salario Deputadu 36» ne’ebé fonte hussi pesquisador Asia Justice and Right no Associação HAK.
«Manutenção ba mandato ne'e significa katak Deputadu sira la lakon sira-nia direito, inklui saláriu. Desizaun ruma hodi hapara sira-nia saláriu no subsidiu sira seluk mak sei mossu fali violação ba lei» haktuir comunicado da imprensa hussi gabinete Presidente Parlamento iha loron 26 fulan fevereiro tinan 2018.
Kona-ba sugestão sociedade civil sira hodi halo regulamento ruma ba remuneração Deputado sira durante dissolução, ida-ne’e sei haree iha futuro mai, tanba dissolução la’ós fenómeno político jurídico ida-ne’ebe mossu beibeik.
Sugere mós ba sociedade civil sira atu hatama submissão ruma iha Legislatura tuir mai kona-ba alteração Lei ba Estatuto Deputado sira-nian hodi contribui ba boa governação no justiça social.

1